Notícia

"Made in Brasil": cibercriminosos brasileiros exportam vírus

Quem explica a ação é o comentarista Gilberto Sudré

Antes vistos como dependentes de tecnologias estrangeiras, agora os cibercriminosos brasileiros estão exportando vírus para outras partes do mundo. Empresas de segurança acenderam um sinal de alerta para softwares maliciosos criados no Brasil. O malware, chamado ‘Guildma’, foi detectado pela empresa Vast e é uma ferramenta de acesso remoto que ataca o sistema bancário.

Após infectar computadores, ele se mantém escondido, esperando que a vítima abra o site do seu banco para entrar em ação, roubando credenciais e assumindo o controle da máquina para transações fraudulentas. No início, o malware focava somente em bancos brasileiros, mas expandiu sua atuação para mais de 130 bancos e 75 serviços. Quem dá detalhes e explica como devemos proteger nossos dispositivos é o comentarista Gilberto Sudré!

Ver comentários