Notícia

Covid: formação de comitê de vacinação preocupa e a pesquisa com BCG

Ouça a edição desta sexta-feira (11) do CBN Vitória Especial Coronavírus!

Coronavírus, Sars-Cov-2, vacina
Coronavírus, Sars-Cov-2, vacina
Foto: Pixabay

Já apresentada na última segunda-feira (07) no programa CBN Vitória, nesta sexta-feira (11), a epidemiologista Ethel Maciel também se junta ao time do CBN Cotidiano, nas tardes da 92,5 FM, para atualizar as últimas descobertas e atualizações sobre o novo coronavírus. Nesta edição do quadro, Ethel explica quais pontos observar no processo de suspensão da vacina de Oxford e a reação a uma paciente durante a fase 3 da pesquisa. E ainda: ponto a ponto sobre as diferenças entre as três vacinas com potencial de serem distribuídas no Brasil: a vacina britânica, desenvolvida pela farmacêutica AstraZeneca e a Universidade de Oxford; a CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório Sinovac Biotech, da China; e a Sputnik V, da Rússia.

A comentarista também relata a preocupação da comunidade científica com a criação pelo Governo Federal do grupo de trabalho para a distribuição da vacina para a população. "Não há ninguém que represente o controle social ou especialista", alerta

Ouça!

A comentarista destaca ainda um estudo envolvendo o uso da vacina BCG, contra a tuberculose, que será testada em breve também contra o novo coronavírus. Os testes no Brasil são realizados pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em um acordo de pesquisa com o instituto australiano Murdoch Children's Research Institute. Serão testados no Brasil três mil voluntários, todos profissionais da saúde da linha de frente. O estudo tem apoio da Organização Mundial da Saúde (OMS) e financiamento da Fundação Bill e Melinda Gates. O estudo já está em fase três, a mais avançada. Além de Brasil, participam Austrália, Espanha e Reino Unido. 

Ver comentários