Notícia

Coronavírus: por que as pessoas encaram a pandemia de forma distinta?

Ouça a entrevista com a neurocientista Cláudia Feitosa-Santana, com pós-doutoramento pela Universidade de Chicago

Em meio ao cenário do avanço do novo coronavírus em todo o país, ainda é comum vermos cenas de pessoas que insistem em sair de casa, mesmo conhecendo os riscos de uma pandemia. Em entrevista à CBN Vitória nesta quinta-feira (28), a neurocientista Cláudia Feitosa-Santana, com pós-doutoramento pela Universidade de Chicago, explica que negar a gravidade da doença pode ser uma defesa encontrada por algumas pessoas que não conseguem encarar o peso da pandemia. Mas, na sua visão, até mesmo entre aqueles que insistem em negar a pandemia, é necessário ter empatia por eles.

Ver comentários