Notícia

PM intensifica fiscalização contra aglomerações no ES

As explicações são do subsecretário de Estado de Integração Institucional da Secretaria de Estado da Segurança Pública, Guilherme Pacífico, em entrevista ao CBN Cotidiano

 Algumas lojas abriram na Avenida Central em Laranjeiras mesmo após determinações do governo
Algumas lojas abriram na Avenida Central em Laranjeiras mesmo após determinações do governo
Foto: Vitor jubini

A partir desta semana a Polícia Militar passa a intensificar o trabalho de fiscalização contra aglomerações no Espírito Santo. O objetivo é que as regras de isolamento social, por conta do novo coronavírus, possam ser cumpridas pela população e comerciante. As ações de fiscalização, que vão contar com o apoio do Corpo de Bombeiros e Guardas Municipais, serão direcionadas a Grande Vitória e, posteriormente, podem ser expandidas para as regiões do Estado que também estão em risco alto de contaminação. Em entrevista ao CBN Cotidiano desta segunda-feira (04), Guilherme Pacífico, subsecretário de Estado de Integração Institucional da Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp), detalhou as ações. 

Ele destacou que, ao longo do mês de abril, o Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes) recebeu mais de 5000 denúncias sobre o descumprimento do decreto de isolamento social. Aparecem no ranking das denúncias as direcionadas a estabelecimento comerciais, residências, tempos religiosos e casas de shows/eventos. Os municípios da Serra, Cariacica e Vila Velha aparecem como destaque. O subsecretário orienta que, caso o cidadão tenha dúvidas sobre os decreto estaduais em vigor, esses pode ser acessado no endereço: https://coronavirus.es.gov.br/.

As denúncias sobre estabelecimentos comerciais abertos em período de isolamento social podem ser feitas ao 190. "Estamos trabalhando intensamente para o cumprimento das regras e contando com a conscientização da população. Para quem insistir em descumprir as regras, aí sim, poderemos ter algum tipo de punição", alerta.

Ver comentários