Notícia

Todo mundo que está em casa também precisa se exercitar

Quem responde é a médica cardiologista Cléa Colombo

Na última terça-feira (06), foi comemorado o Dia Mundial da Atividade Física. E os números alertam: em todo o mundo, segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), um em cada cinco adultos e quatro em cada cinco adolescentes - com idade entre 11 e 17 anos - não praticam atividade física suficiente. Para conscientizar sobre a importância de hábitos mais saudáveis, a Turma da Mônica se uniu aos esforços para fazer com que crianças e adolescentes se exercitem pelo menos uma hora por dia.

Mas qual é a importância da prática regular de exercícios? E como colocar a criançada para "suar" mesmo em casa? Em entrevista à CBN Vitória, a médica cardiologista Cléa Colombo, presidente do grupo de Cardiologia do Esporte do Departamento de Ergometria, Exercício, Cardiologia Nuclear e Reabilitação Cardiovascular da SBC (DERC/SBC), nos ajuda a responder e também dá dicas de exercícios. Acompanhe!

Por conta da pandemia do novo coronavírus e a recomendação para se ficar em casa, favorecendo o distanciamento social e, assim, evitar aumento dos casos, é fundamental que as pessoas mantenham – ou criem – uma rotina fisicamente ativa. O sedentarismo é prejudicial para o sistema imune, fundamental para reduzir a possibilidade de infecção viral.

As recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para indivíduos saudáveis e assintomáticos são de, no mínimo, 150 minutos de atividade física por semana para adultos e 300 minutos de atividade física por semana para crianças e adolescentes. Esse tempo de atividade física deve ser acumulado durante os dias da semana, podendo ser dividido de acordo com sua rotina.

A prática de atividade física compreende qualquer atividade motora que resulte em um gasto energético acima dos níveis de repouso, ao passo que a prática sistematizada, devidamente elaborada e prescrita considerando variáveis de treinamento visando objetivos específicos é denominada exercício físico.

DICAS PARA CRIANÇAS E JOVENS:

Com posts ilustrados pelos personagens do Bairro do Limoeiro, a SBC sugere as seguintes atividades físicas neste momento mais frequente em ambiente domiciliar:

- Levantar-se da cadeira ou do sofá, tocar os dedos dos seus pés com as mãos, depois erguer as mãos bem alto sobre a cabeça tentando alcançar o teto. O ideal é repetir este exercício 10 vezes; levantar-se e sentar-se 10 vezes; erguer as pernas 20 vezes alternando direita e esquerda; girar o braço para frente por 30 segundos e para trás por mais 30 segundos; ficar em uma perna só, depois tentar colocar as mãos para cima e depois para o lado. Em seguida tentar o mesmo com a outra perna;

- Que tal acelerar um pouquinho mais o coração? Correr no mesmo local por 30 segundos; fazer polichinelos e agachamentos por 15 segundos cada; contar quantos pulos você consegue fazer em um minuto. Praticar um pouquinho todos os dias e procurar bater seus próprios recordes;

- Quer se divertir ainda mais? Dançar uma música realizando os comandos “pé direito na frente, pé direito atrás, roda, roda, roda...”, ou simplesmente movimentar seu corpo com alegria enquanto a música toca.

- Encher uma bexiga com ar. Se tiver duas vai ser mais legal. Lançar para cima e não as deixar cair no chão;

- Já participou de um caça ao tesouro? Inventar as regras, os desafios e dicas... escolher e esconder um tesouro bem legal. Convidar todo mundo para participar, assim fica mais divertido!

- Outras dicas são: buscar um local seguro para a prática de atividade física, evitando acidentes; respeitar as necessidades do corpo, bebendo água e fazendo refeições saudáveis; conversar com um profissional de saúde caso tenha algum desconforto durante a prática de exercícios e manter o uso dos medicamentos prescritos por seu médico.

 

 

Ver comentários