Notícia

Entressafra, frete caro e dólar elevam o preço do arroz e leite no ES

Entressafra, frete caro e alta do dólar provocam aumento no preço do arroz e do leite no ES

Aviso em supermercado de Cariacica
Aviso em supermercado de Cariacica
Foto: dvulgação

A ida ao supermercado está cada vez mais cara para o capixaba. Nas últimas semanas, produtos essenciais, como leite, arroz e óleo, sofreram aumento expressivo nos preços na Grande Vitória. Quanto ao grão, o saco de 5 kg é encontrado em preços que vão de R$ 18,90 a R$ 25,00, enquanto a caixinha de leite gira em torno de R$ 4,09 e R$ 4,30. A CBN procurou a Associação Capixaba de Supermercados (Acaps) para saber o motivo dessa alta em produtos específicos. Em nota, a Acaps listou alguns motivos do encarecimento, como crescimento das exportações, produção abaixo do consumo, entressafra, dificuldade de transporte e alta do dólar.

A Associação de Supermercados explicou que a alta do leite, por exemplo, se dá por uma série de fatores, como a entressafra, que vai de abril a setembro, somada aos efeitos da seca no sul do País, o que reduziu a oferta do produto. O maior consumo por causa do isolamento social também é um fator a ser levado em conta.

Sobre o arroz, a Acaps destacou a produção reduzida, dificuldade de transporte, exportação para outros países e alta do dólar. A maior procura externa tem afetado diretamente a oferta doméstica do produto, que registrou valorização em dólar acima de 30%. Além disso, segundo estudos do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), a safra de arroz 2019/2020 será a segunda menor da história. Isso foi ocasionado pela migração de produtores para culturas mais rentáveis, como a soja.

O presidente da Acaps, João Tarcício Falqueto, ressalta que os estabelecimentos não têm qualquer responsabilidade sobre os processos de produção. Inclusive, a orientação é para que os supermercadistas não aumentem a margem de lucro praticada antes da pandemia do novo coronavírus, repassando apenas os aumentos praticados pela cadeia produtiva.

 

 

Ver comentários