Campanha #TemGenteComFome vai distribuir cestas básicas no ES e em mais nove estados

Em entrevista à CBN Vitória, as representantes da ação, Selma Dealdina e Ana Paula Rocha Coa, trazem os detalhes.

Publicado em 16/10/2021 às 10h59
Fome, pessoa com prato de comida vazio
Casos de furto de comida aumentaram na pandemia. Crédito: Shutterstock

O Dia Mundial da Alimentação é celebrado neste sábado, 16 de outubro. No Brasil, um dos maiores produtores de alimentos do planeta, os números da fome estão em crescimento. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 41% dos brasileiros vivem em situação de insegurança alimentar, e a pandemia de Covid-19 agravou este quadro, gerando desemprego e perda de renda. Para marcar a data, a campanha #TemGenteComFome faz uma ação de distribuição de cestas básicas em 10 estados simultaneamente: Rio Branco (AC), Maceió (AL), Salvador (BA), Cariacica (ES), Cuiabá (MG), Altamira (PA), Picos (PI), Porto Alegre (RS), Baixada Fluminense (RJ) e Zonas Sul e Leste de São Paulo (SP). Em entrevista à CBN Vitória, as representantes da ação, Selma Dealdina e Ana Paula Rocha Coa, trazem os detalhes.

A Campanha #TemGenteComFome nasceu em março de 2021 para ajudar quem precisa receber alimentos. Com os R$ 18 milhões captados nos primeiros seis meses, 130 mil famílias receberam ajuda e foram distribuídos mais de 54 mil cartões de alimentação, 29 mil cestas básicas e 55 mil cestas com produtos orgânicos nos 27 estados. Os recursos também ajudaram a garantir empregos e renda para armazéns e mercadinhos locais e para agricultores familiares. A campanha, que ganhou a adesão de nomes como Gilberto Gil, Emicida, Camila Pitanga, Antônio Pitanga, Zeca Pagodinho, Sueli Carneiro, Elza Soares, entre outros, foi inspirada pelos versos do poeta Solano Trindade: “Se tem gente com fome, dá de comer”.