Um bilhão de obesos em 2030: 'a população ainda não incorporou hábitos saudáveis', diz médico

Ouça entrevista com o médico nutrólogo e professor universitário Roger Bongestab

Publicado em 14/05/2022 às 10h45
Obesidade, obeso, sobrepreso
Obesidade, obeso, sobrepreso. Crédito: Science Photo Library

Um bilhão de obesos no mundo em 2030. É o que estima o Atlas Mundial da Obesidade 2022, divulgado pela Federação Mundial de Obesidade. Os números apontam que a cada cinco mulheres e um a cada sete homens estarão com a condição daqui a oito anos e frustram a meta da Organização Mundial da Saúde (OMS) de interromper o aumento da obesidade até 2025. Em entrevista à CBN Vitória, o médico nutrólogo e professor universitário Roger Bongestab avalia que "infelizmente, embora com todo o discurso e todas as campanhas, a população ainda não incorporou os hábitos saudáveis". Ele também alerta para as dietas inadequadas e o alto consumo de alimentos obesogênicos. Ouça a entrevista completa!

Nesta sexta-feira (13), a Agência de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA), órgão similar à Anvisa dos EUA, aprovou a Tirzepatida. Segundo a Lilly, a tirzepatida é uma molécula em desenvolvimento clínico de uso semanal, estudada para o tratamento da diabetes mellitus tipo 2 (DM2) e obesidade. De acordo com a empresa, os participantes da terceira fase do estudo chegaram a perder 24 quilos em um período de 72 semanas. Além disso, 63% dos participantes que tomaram tirzepatida 15 mg nessa fase do estudo tiveram uma redação de peso de ao menos 20%.